sexta-feira, abril 30, 2004

Múm na Aula Magna

Múm


"Depois da edição de "Yesterday Was Dramatic - Today Is Ok" (2000), "Please Smile My Noise Bleed" (2001), "Finally We Are Not One" (2002), os islandeses Múm regressam aos palcos com um novo trabalho de originais, "Summer Make Good". É precisamente este último registo que estará em destaque nos dois concertos do quarteto no Teatro Sá da Bandeira, no Porto, e na Aula Magna, em Lisboa.
Gunnar Örn Tynes, Örvar Póreyjarson Smárason, e as gémeas Gyoa e Anna Valtýsdóttir regressam ao nosso país com este novo disco que resulta de um processo sofrido, solitário e vivido 24 horas por dia. Uma vez mais, os Múm fazem justiça à épica travessia musical que os islandeses têm vindo a realizar, o assunto está mais que batido mas é um facto – Bjork, Gus Gus, Múm são os expoentes máximos este género musical vindo da inóspita terra do fogo, do gelo e dos géiseres. Com este álbum que sustentará grande parte dos espectáculos no Porto e Lisboa, os Múm trazem uma vez mais o seu som orgânico, etéreo, arrebatador, inconfundível – um conjunto de doze temas que apresentam basicamente mais do mesmo.
Gravado num farol a norte da costa da Islândia durante sete semanas intensivas, "Summer Make Good" leva-nos pelos ventos gélidos que sopram do mar, pela descoberta dos sons que emanam naturalmente dos instrumentos, pelos instrumentos acústicos e claro pela contínua voz fantasmagórica, infantil de Kristín Anna."

6 de Maio – Aula Magna
Anfiteatro s/marcação: 20,00€
Início do Evento: 21h30



quinta-feira, abril 29, 2004

"Carta", Toranja

Toranja


"Não falei contigo
com medo que os montes e vales que me achas
caíssem a teus pés...
Acredito e entendo
que a estabilidade lógica
de quem não quer explodir
faça bem ao escudo que és...

Saudade é o ar
que vou sugando e aceitando
como fruto de Verão
nos jardins do teu beijo...
Mas sinto que sabes que sentes também
que num dia maior serás trapézio sem rede
a pairar sobre o mundo
e tudo o que vejo...

É que hoje acordei e lembrei-me
que sou mago feiticeiro
Que a minha bola de cristal é folha de papel
Nela te pinto nua
numa chama minha e tua.

Desconfio que ainda não reparaste
que o teu destino foi inventado
por gira-discos estragados
aos quais te vais moldando...
E todo o teu planeamento estratégico
de sincronização do coração
são leis como paredes e tetos
cujos vidros vais pisando...

Anseio o dia em que acordares
por cima de todos os teus números
raízes quadradas de somas subtraídas
sempre com a mesma solução...
Podias deixar de fazer da vida
um ciclo vicioso
harmonioso do teu gesto mimado
e à palma da tua mão...

É que hoje acordei e lembrei-me
que sou mago feiticeiro
e a minha bola de cristal é folha de papel
Nela te pinto nua
Numa chama minha e tua.


Desculpa se te fiz fogo e noite
sem pedir autorização por escrito
ao sindicato dos Deuses...
mas não fui eu que te escolhi.
Desculpa se te usei
como refúgio dos meus sentidos
pedaço de silêncios perdidos
que voltei a encontrar em ti...

É que hoje acordei e lembrei-me
Que sou mago feiticeiro...

...nela te pinto nua
Numa chama minha e tua.

Ainda magoas alguém
O tiro passou-me ao lado
Ainda magoas alguém
Se não te deste a ninguém
magoaste alguém
A mim... passou-me ao lado."

segunda-feira, abril 26, 2004

Calexico no Santiago Alquimista

Calexico


Os Calexico, duo composto pelo multi-instrumentista/vocalista Joey Burns e pelo talentoso baterista John Convertino, aliam as atmosferas da beleza árida do deserto à festividade caliente dos ritmos hispânicos marichi. De grandes contrastes na música, ora mais melancólica e perturbadora, ora festiva nos ritmos dos trompetes, a sua música é feita tanto de belas canções como de esparsos e frágeis momentos.

Local: Santiago Alquimista
Data e hora: 29-04-2004 23:00
Preço: 18,00€


sexta-feira, abril 23, 2004

The Cure no Festival Vilar de Mouros

Cure


Na altura em que é anunciado o regresso da banda com um novo álbum de originais, ainda com nome indefinido mas com data de lançamento prevista para 21 de Junho, é confirmada a presença dos The Cure no Festival de Vilar de Mouros no dia 17 de Julho.


quinta-feira, abril 22, 2004

"The Brown Bunny", Vincent Gallo

Brown bunny


"And when you hold me tight
How could life be anything but beautiful
I think that I was made for you
And you were made for me."

"Beautiful" - Gordon Lightfoot

quarta-feira, abril 21, 2004

Finalmente ! - José Cid

José Cid


O cantor e compositor José Cid, um dos mitos da música popular portuguesa, vai subir ao palco do Coliseu dos Recreios, em Lisboa, no próximo dia 23 de Abril às 21h30. A colectânea "Nasci P´ra Música-Antologia" foi o último álbum lançado pelo cantor e revê alguns dos maiores êxitos da sua carreira.

"Addio, adieu, aufwiedersehen, Goodbye,
Amore , amour, meine liebe, love of my life"


domingo, abril 18, 2004

Tindersticks

Tindersticks


"i'm waisting my time
coming round here
what once burned so brightly
is all but smoke in the air"

sábado, abril 17, 2004

Les Triplettes de Belleville

Triplettes de Belleville


"Swinging Belleville rendez-vous
Marathon dancing doum dilouuuu
Vaudou Cancan, balais tabouuuu
Au Belleville swinging rendez-vous"


sexta-feira, abril 16, 2004

Metamorfose

want some tea?



"Certa manhã, ao acordar de sonhos inquietos, Gregor Samsa viu-se transformado num gigantesco insecto."

A Metamorfose, Franz Kafka

segunda-feira, abril 12, 2004

FELIZ PÁSCOA!

Feliz Páscoa